6

Bulgogi

Posted by Luana on 17:15 in , ,
E continuando as historetas sobre a Coreia do Sul... 

Como no outro post eu usei como tema uma comida Corenana, achei por bem continuar dessa forma, pra todo mundo ai ficar com agua na boca... Dessa vez o titulo do post eh "Bulgogi", que eh uma carne marinada, cozida com coisas verdes gostosas. 

Eu ja havia comido Bulgogi (que eu eu sempre confundo com Buldogui... haha) no Japao, um belo dia em que entrei num restauranre coreano sem querer...  O garcom nao falava ingles, eu nao entendo uma palavra em Japones (I saw you saying that you say that you saw...), dai combinamos que eu comeria alguma coisa la com carne de boi... E foi o bulgogi! 

Entao, no dia em que fui apresentar meu belissimo trabalho pros pesquisadores do hospital universitario de Seoul, os coleguinhas me chamaram para almocar. Eles queriam me levar para comer macarronada... Amigues, macarrao? Macarrao eu como em casa! hahaha... Insisti que queria comida coreana e alguem la sugeriu comer Bulgogi... EHHHHH \o/

Da pra ver o pratinho de Kim Chi la atras - ele sempre esta presente!
Bao... Onde eu estava mesmo?

Ah... Uma coisa que eu gostei demais na Coreia foi poder andar livremente pelas ruas, sem medo de ter morta/assassinada... As ruas estao sempre cheias, o comercio fica aberto dia e noite, todo mundo comendo, comsumindo... Eh um pouco parecido com o Japao, nesse sentido, so que na Coreia as pessoas falam mais alto, gargalham alto, namorados andam se agarrando pelas ruas... Os japoneses sao bem animados, mas sao um pouco tensos. Falam baixo, nao gostam muito de contato... Nao que eu adore ficar levando esbarrao de coreano nanico (como bem aconteceu o tempo todo), mas foi divertido ver toda aquela gente se divertindo, nao importando se era sabado ou segunda feira a noite. 

A foto abaixo ta ruim? Ta... Nao da pra ver quase nada? Nao da... Entao, acreditem que tava cheio de gente nos bares e nos restaurantes.



Eu acho que finalmente comecei a entender porque a viagem pra Tanzania foi, de certa forma, traumatica. 

Acho que a Tanzania foi um dos lugares com as paisagens mais lindas que eu ja vi. O oceano verde, as montanhas altissimas, os parques nacionais, com leoes, girafas, bufalos, elefantes, zebras... tudo ali, na minha frente... 

Contudo, enquanto eu desfrutava das praias, dos passeios, dos restaurantes eu nao via nenhum local... Alias, eu via... Os locais estavam ali para nos servir, pra fazer a nossa vontade. 

Em Zanzibar eu entrei numa lojinha, porque cismei que queria comprar um daqueles vestidos coloridissimos que as mulheres de la usam... Tipo como esses da foto abaixo...

daqui
Lindos, nao eh? Eu nao ia usar isso em lugar nenhum, mas achei lindo e queria um... Entao, entrei numa lojinha, perto do nosso mega-blaster hotel com muitos locais prontos para nos servir... As roupas a venda nao eram exatamente coloridas e lindas como as que as mocas usavam, parecia coisa feita pra gringo tonto comprar e levar pra casa. Pelo preco e pelas cores eu ja saquei que nao estava comprando na mesma loja em que as mocas locais compram (e eu nao estou nem falando de preco, porque nao acho um problema pagar bem diferente, nesse caso). Bom, a moca que me atendeu estava usando um vestido amarelo e vermelho TAO lindo! Eu comentei com ela que tinha achado o vestido maravilhoso e que estava procurando por algo assim. Um rapaz, que estava ajudando a moca nas vendas, comecou a falar com ela em Swahili (ou eu acho que era, talvez fosse alguma outra das trocentas linguas que se fala por la). Eu nao entendi exatamente o que ele falou, mas alguns gestos, meus amigos, sao universais... Ele tentou convence-la a me vender o vestido que ela estava usando... Olha o constrangimento! 

Ela nao quis e ele ficou insistindo... 

Me digam... Isso ia acontecer aqui na Europa? Nao ia acontecer na Coreia tambem, nao... 

Eh esse tipo de submissao que me deixa louca! Logico que a culpa nao eh da moca... E ela fez MUITO bem em negar (e eu jamais teria aceitado, ne?). Mas eu fico imaginando, na verdade, aquelas pessoas ja estavam se sujeitando a muita coisa... Elas estavam vendendo a comida que elas mesmas nao comem, os prazeres dos quais elas mesmas nao desfrutam... Quem consegue tostar ao sol, comendo lagosta, quando as criancas da aldeia local nao tem seneamento basico? 

A Coreia nao eh um pais tao rico quanto o Japao, mas nem se compara com lugares como a Tanzania. Na Coreia eu fui comer nos mesmos lugares em que os coreanos comem. Eu paguei o mesmo preco que eles pagam. Eu fiz compras onde eles fazem... Nao ha essa tensao, essa submissao horrivel, esse abuso de poder nada velado. 

Eu acho que isso sim eh turismo saudavel... Eh voce desfrutar das mesmas coisas que os locais desfrutam... Na Tanzania a gente nao podia sair do hotel desacompanhados (fizemos isso em Aroucha e meio que nos arrependemos, embora nada tenha acontecido de fato). Nos cartoes de boa vinda dos hoteis lia-se: "nunca saia do hotel desacompanhado pelo seguranca". Estrangeiros andando sozinhos nas ruas sao sequestrados! 

Mas voltando a Coreia... 

Nos visitamos lugares muito legais... Gostei muito de ver que tem varios parques distribuidos pela cidade, com gente fazendo esportes... Nos visitamos o parque Olimpico, que sediou os jogos de 1988. 

Eu sei que os animos no Brasil nao estao dos melhores pra receber um evento desses. Mas eu, sinceramente, acho as Olimpiadas uma coisa linda! Meu pai jogou em 3! Defendeu a camisa da selecao brasileira... Tai uma coisa que eu tenho o maior orgulho! 

Parque Olimpico da Coreia do Sul

       
Fun With Flags
Essa eh do meu pai e agora fica la na minha casa, num lugar muito especial
Sabe onde mais eu fui? Num Cat Cafe... =D

Eu nunca tinha ido... Vi que tinha um perto do nosso hotel em Seoul e um dia fomos la ver qual-leh-que-eh...
To aqui de boas
O que eu achei? Bom... Tava cheio de gatinhos de todos os tipos e tamanhos... Entao, no comeco eu gostei muito... Tem varias almofadas e lugares confortaveis pra voce sentar e ficar la olhando os bichinhos. Tem varias regras: nao pode pegar se eles nao quiserem, nao pode acorda-los, nao pode perturbar, etc... Eles cuidam pra que nao tenha abuso... Isso foi legal... 

Mas ficamos uma hora la e nessa hora vimos brigas entre os gatos duas vezes.... Brigas feias, tanto que um dos gatinhos ficou de castigo numa gaiola...  A gaoila estava ali, no meio da sala... E o que aconteceu? O gatinho preso ficou chorando... =( 

Que do! 

Foi entao que percebi que os gatos nao eram castrados... Entao, sabe, estao pedindo pra ter briga mesmo. Sem contar que nao eh todo gato que gosta de conviver com outros gatos. Nesse sentido pareceu um pouco torturante pra eles... Nao sei... 

Alguem ai ja foi nesse tipo de lugar? O que acharam?

Bom, por hoje eh isso... Volto aqui der!  


|

6 Comments


Pois é, macarrão a gente come em casa! hahahah Eu também sou dessas que gosta de ver o que o lugar tem de novidade pra comer! Ahhhh vai pra um lugar tão longe e ficar com frescura, não dá! Tudo bem que eu não sou dos extremos, tem coisa que eu não comeria, acho...como insetos! rs
Sim, turismo legal é assim, você fazer parte do local naquele período, não ser explorado, assaltado, feito de refém ou sequestrado! Que horror.
Então a Coreia e toda agito? Ohhh que interessante.
Ah gente, eu iria enlouquecer neste lugar com bichanos e também morreria de dó se os visse brigando. Bjs


Gostei do Bulgogi quero experimentar, vou ver se acho em São Paulo.
Entendo perfeitamente seus sentimentos na Tanzânia, mas como disse uma amiga em situação parecida "Amigo eu moro no Rio de Janeiro", dito isso a moça não podia indicar onde ela comprou o vestido? Até entendo o patrão, mas acho que insistiria no endereço. Aliás usaria o vestido! Não sou chegada a gatos, então é pouco provável que entrasse em um local desse. Beijos
Jussara
PS: Maior orgulho dessa medalha!


Li esse post depois de ler sobre um outro tipo de turismo que consiste no que vc falou, viver a rotina do lugar trabalhando/estudando... acho bem interessante.

Vc acompanha basquete? Qdo colocamos tv a cabo la em casa eu queria os canais de esporte para acompanhar NBA e futebol... e confesso que as vezes fico confuso com os termos que eles usam na transmissão.

E a Julia queria acompanhar canais de variedades que agora são de culinária... kkkk


1. Na sua próxima viagem ao Japão, leve a Lídia, ela traduzirá tudo pra você!

2. Carne de boi cozida com um monte de caldo e tempero é a minha praia! Ainda vou experimentar bulgogi!

3. Eu acho que, depois desse post, estou começando a entender qual o seu ponto com relação às questões raciais.

4. Animais não castrados disputam constantemente a liderança do bando/manada. Foi o que li e pelo menos é o que fazem meus cachorros...


Comecei a ler crente que ia ler algo sobre "buldogue" HAUHAHAHUHUAHUAHUAHUA
Superei essa decepção de não ter buldogue com esse seu post que fala de viagem. Como eu gosto dessas coisas que provavelmente eu nunca saberia. Nunquinha na vida pensei em conhecer a Coreia, que inclusive aprendi um pouco mais no seu último post, mas agora rola um "num é que parece legal?!".
Ps. Eu sou frescona com comida, provavelmente eu me juntaria ao time da macarronada! =P


ain que eu já comecei a ler isso aqui com fome. fiquei com uma baita vontade de comer aquele negócio lá.

é interessante essa tua comparaçäo com a viagem a tanzânia. eu sei que näo é na totalidade possível, mas sempre que viajo, eu tento ser o menos turista possível. e poder andar na cidade livremente (como fazem os locais) é o mínimo que eu espero de um lugar.

mas bom saber que na coréia é outra história... morro de vontade de andar por essas bandas (mas tb por ende é que eu näo morro de vontade de andar, né)

p.s.: brasil tá dando um abusinho täo grande que eu tb num tô muito no espírito olímpico, näo. mas vou acabar entrando, pq pelos atletas, acho a idéia toda da coisa bem bonita.
p.s.2: que pai fera o teu!

Web Analytics

Copyright © 2009 Hunfs All rights reserved. Theme by Laptop Geek. | Bloggerized by FalconHive.